À CPI da Covid, Luana Araújo explica diferenças entre profilaxia e intervenção precoce



Em depoimento à CPI da Covid, a médica infectologista Luana Araújo explicou as diferenças entre profilaxia e intervenção precoce no caso de pacientes com suspeita ou diagnóstico confirmado de covid-19. «Quando a gente fala de profilaxia, a gente está dizendo em impedir que a pessoa adoeça ou diminuir a chance, o risco de a pessoa adoecer. Hoje, se a gente restringir isso à pandemia da Covid-19, a gente está falando na intervenção vacinal majoritariamente e, associada a ela, as outras estratégias não farmacológicas de comportamento», disse ela, citando o uso de máscaras, a higiene das mãos e o distanciamento social.

No que diz respeito à intervenção precoce, a médica citou a importância de haver um diagnóstico precoce, aliado a uma cadeia de testagem em massa. Ela afirmou, ainda, que não existe um suposto «tratamento precoce» contra a doença. «Não é que a gente não queira que as pessoas tenham acesso àquilo que funcionaria pra elas», disse. «Se houvesse alguma oportunidade em que a gente pudesse depositar as nossas confianças e a vida das pessoas, a gente teria usado. Infelizmente, com todo pesar do mundo, não tem», declarou.

 Medicamentos como a cloroquina e a hidroxicloroquina são defendidos pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e seus apoiadores como parte de um suposto tratamento precoce contra a covid-19 -esses remédios, no entanto, têm evidências conclusivas de ineficácia para este fim desde outubro, segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde).

————————-
Bem-vindo ao canal do UOL no YouTube. Aqui você encontra notícias direto da redação, tudo sobre política, matérias especiais e o melhor do mundo do entretenimento.

** INSCREVA-SE NO CANAL:

UOL

00:05:50

Fuente

31 Respuestas a “À CPI da Covid, Luana Araújo explica diferenças entre profilaxia e intervenção precoce”

  1. Dr Raoul – admitiu que Cloroquina não funcionaaaaaaaaaaaaaaaa! TÁ CHEIO DE REPORTAGENS FALANDO ISSO… Esses bostas Bolsonaristas começam a acompanhar e não terminam. Nise Yamaguchi não soube que uma pesquisa foi encerrada, tomou conhecimento na CPI – pesquisa essa de Cloroquina que ela defendia…burrice. Dra Luana deu um show de informações.

  2. Eu posto o que eu quiser a opinião é minha só burro quem não sabe o que é amacia da indústria farmacêutica no mundo , esse argumento de “ ciência” virou piada!!!! Ninguém Brasil
    Mais morrrus decdengue hemorrágica, de infarto , de acidentes de carro. Que era tão comum ser estatística pra encher a indústria das multas , pneumonia ninguém morreu, Aires , câncer, úlcera. Etc !!!! Não existe mais estatística pra outras doenças! Antes tinha!!!! E a China vacinou 1 bilhão e trezentos milhões!!! Põe que lá eles nunca mais falaram do vírus!!!! Vcs acham que essa piada de ciência vai colar!! Conheço vários que tiveram aqui e tomaram a ivermectina e astro e sararam !!!! Estão todos bem escondendo o que tomaram!!! Eu perdi vários amigos com câncer e velhinhos de 80 anos pra cima que com toda certeza já é a hora que Deus preparou!!!! Vamos dar nome aos bois!!!! O que vocês chamam de ciência eu chamo de realidade!!!!!

  3. "Não é que a gente não queira que as pessoas tenham acesso àquilo que funcionaria, se houvesse alguma oportunidade e que a gente pudesse depositar nossa confiança e a vida das pessoas nela a gente teria usado, INFELIZMENTE, com todo pesar do Mundo, NÃO TEM"! Essa declaração deixa claro que médicos que têm essa linha de pensamento da Dra. Luana Araújo tem deixado o doente de COVID simplesmente evoluir para forma grave alegando não existir medicamento que funciona! Isso explica porque tanta gente tem vindo a óbito no Brasil: ALEGANDO QUE NÃO TEM NADA QUE FUNCIONA, NÃO USAM MEDICAÇÃO ALGUMA e simplesmente deixam o doente entregue ao vírus!

  4. Ridículo, apenas politicagem
    Minha avó no auge dos seus 79, tomou ivermectina e só soube que teve COVID por um exame depois assintomática, eu nem sei se tive covide tomei cloroquina,mas me cuido

  5. CALA ESSA BOCA DE CANTORA FALIDA LUANA ARAÚJO!!!!
    NENHUMA GRIPE TEM CURA!!!
    NÃO EXISTE CURA PARA VIROSES!
    MAS PARA INFECÇÕES E INFLAMAÇÕES QUE A EVOLUÇÃO DE GRIPES CAUSA, CHAMADAS DE PNEUMONIA BACTERIANA POIS 95% SÃO, HÁ TRATAMENTO PRECOCE SIM!!!
    ESTÃO DEIXANDO A NOVA GRIPE EVOLUIR, SE TORNANDO PNEUMONIA SEM QUALQUER TRATAMENTO ( COMO A IDIOTA LUANA ARAÚJO DEFENDE ) E AÍ QUANDO A INFECÇÃO E HIPERSECREÇÁO DE MUCO COM SEVERA PROLIFERAÇÃO DE BACTÉRIAS TOMA CONTA, OS "CIENTISTAS" QUE COMEM NAS MAOS DOS DONOS DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA, PASSAM A MATAR INOCENTES ATRAVÉS DA INTUBAÇÃO QUE SUFOCA, CAUSA SEPSE E A FATAL EMBOLIA PULMONAR!!!!
    NO BRASIL E NO MUNDO, O QUE ESTÁ MATANDO É A OMISSÃO E NEGLIGÊNCIA DA PNEUMONIA!!!
    NEM O HIV/AIDS MATA, POIS A MAIORIA DOS PORTADORES MORREM É DE PNEUMONIA BACTERIANA!!!
    POR QUE O NÚMERO DE RECUPERADOS É TÃO MAIOR QUE O NÚMERO DE MORTOS????
    POR QUE OS INFECTADOS SÓ .MORREM NOS HOSPITAIS????
    A GRANDE MAIORIA SE RECUPERA PORQUE TEM UM SISTEMA IMUNOLÓGICO EFICIENTE E NEM PRECISOU DE VACINAS!!!
    ISSO É PROVA DE QUE TUDO QUE FORTALECER O SISTEMA IMUNOLÓGICO, É TRATAMENTO PRECOCE SIM!!!
    A CLOROQUINA E HIDROXICLOROQUINA SÃO IMONOMODULADORES E POR ISSO, ESTABILIZAM A PRODUÇÃO DE LINFÓCITOS T E B AUMENTANDO AS DEFESAS!!!
    O NÚMERO DE MORTOS NO BRASIL É MENTIROSO, FALSO E INFLADO!!!
    NA PANDEMIA DE 2009, A CIÊNCIA, GOVERNOS E IMPRENSA ANUNCIARAM 18,5 MIL MORTES PELO H1N1, PORÉM HOJE SABEMOS QUE FORAM ENTRE 575 MIL E 631 MIL MORTES!!
    SE MENTIRAM EM 2009 NÃO QUERENDO MAIS UMA CRISE ECONÔMICA COMO A DE 2008, ESTÃO MENTINDO DE MANEIRA OU INTENÇÕES INVERSAS AGORA TANDEM!!!
    JOÃO DORIA DECRETOU QUE TODO CADÁVER QUE NÃO PRECISASSE DE AUTÓPSIA, A CAUSA DA MORTE FOSSE DETERMINADA COMO COVID-19!!!
    O QUE MAIS VEJO NA REGIÃO ONDE VIVO, É MORTES POR COVID-19 + INFARTO OU C19 + CÂNCER OU + AVC, ETC!!!
    UMA AMIGA MINHA É CAMINHONEIRA E NUMA PARADA ONDE ELA FEZ EXAME EM 2020, DOS 94 CAMINHONEIROS, 18 POSITIVOS PARA C-19 E NENHUM PARA GRIPE COMUM EM ÉPOCA DE SURTO DE GRIPES SAZONAIS????? KKKKKK
    O INFLUENZA ATRAVÉS DE SUA EVOLUÇÃO PARA DOENÇAS RESPIRATÓRIAS E PNEUMONIAS, CAUSA MILHÕES DE MORTES NO MUNDO TODOS OS ANOS, MESMO COM VACINAS!!!
    POR QUE NÃO VEMOS PANDEMIA DE HISTERIA TODOS OS ANOS????
    A CPI DOS CORRUPTOS BANDIDOS E ATÉ DE PEDÓFILOS, ESTÁ FAZENDO FRESCURA POR CAUSA DA CLOROQUINA E HIDROXICLOROQUINA QUE NAO FAZ MAL NENHUM E NA VERDADE AJUDA SIM, NÃO PARANDO PRA PENSAR QUE 100% DAS MORTES VERDADEIRAS PELA C-19 SÃO NOS HOSPITAIS, PORQUE A "CIÊNCIA" NÃO QUER TRATAR A COMUM PNEUMONIA BACTERIANA, DEIXANDO EVOLUIR E AÍ COMETEM A LOUCURA DA INTUBAÇÃO!!!
    SE A CADA 10 QUE VÃO PARA O TUBO 8 MORREM, SERÁ QUE A CIÊNCIA NÃO PAROU PRA PENSAR??????
    EU ESTUDO PNEUMOLOGIA, IMUNOLOGIA, DEPOCs, FUNGOS, VÍRUS E BACTÉRIAS CAUSADORES DESSAS DOENÇAS, FARMACODINÂMICA, FARMACOCINÉTICA E SOU DONO DO MELHOR TRATAMENTO DO MUNDO PARA ASMA, BRONQUITE, RINITE, SINUSITE, ENFISEMA PULMONAR, ETC!!!
    A "CIÊNCIA" DIZ QUE ASMA É CRÔNICA, EVOLUTIVA E IRREVERSÍVEL, MAS MEUS CLIENTES NO BRASIL E NO MUNDO APÓS CONHECEREM MEU PRODUTO, DISCORDAM DA CIÊNCIA!!!
    NEM 1 MILHÃO DE ESPECIALISTAS JUNTOS CONSEGUEM FAZER POR UM ASMÁTICO O QUE EU FAÇO!!!
    CITO MEU TRABALHO POIS SEI COMO AGEM OS VÍRUS E BACTÉRIAS QUE CAUSAM DOENÇAS RESPIRATÓRIAS INFLAMATÓRIAS, INFECCIOSAS E OBSTRUTIVAS!!!
    PARA GRIPE DE QUALQUER VÍRUS, O REMÉDIO É REPOUSO, BASTANTE ÁGUA E CANJA DE GALINHA!!
    PARA AS INFEÇÕES E INFLAMAÇÕES QUE A NOVA OU QUALQUER OUTRA GRIPE CAUSA, A CURA É O TRATAMENTO PARA PNEUMONIA!!
    DAR VACINA PNEUMOCÓCICA PARA A POPULAÇÃO TBM SERIA UM ÓTIMO TRATAMENTO PRECOCE OU O MELHOR!!!
    O QUE ESTÁ MATANDO É A INTUBAÇÃO EM PESSOAS COM PNEUMONIA!!
    CONVERSA COM "PAPO CABEÇA" E FRASES DE EFEITO COMO DA DRA LUANA ARAÚJO, É O QUE MAIS OUÇO DOS ESPECIALISTAS QUE PASSAM VERGONHA NA MINHA MÃO HÁ 20 ANOS, OU QUANDO PASSAM VERGONHA OUVINDO DOS MEUS CLIENTES O QUANTO MEU PRODUTO É EFICIENTE E OS ESPECIALISTAS QUE NÃO PASSAM DE REPRESENTANTES PROSTITUÍDOS DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA SÃO INÚTEIS!!!
    FALE PARA DOUTORA LUANA ARAÚJO APRESENTAR EM RESULTADOS PRÁTICOS DE SUA LADAINHA, O QUE FEZ PARA PELO MENOS UM PACIENTE E EU APRESENTO PELO MENOS 8 MIL DEPOIMENTOS DO QUE A CONVERSA FIADA DELA QUE ENGANA BURROS NÃO PODE OFERECER!!!

    EU SOU UM GÊNIO NO QUE FAÇO E NÃO APENAS NAQUILO QUE FALO OU ESCREVO!!!

    Dudu Munhoz

    19 9 9216 7106

  6. Que espetáculo desses senadores e dessa cantora Drª. Kkkkk
    A diferença de tratamento quando se fala o que eles querem…
    É lamentavel a parcialidade dessa CPI.
    E essa mulher, hein?! Ela é de que planeta?

  7. ATÉ usar a técnica o paciente já morreu e se passar do tratamento precoce e for internado jamais só poderá usar um corticóide só como medicamento e se curar ou sair vivo!!! Ela deveria saber como infectologista que é. Se fosse tão simples ninguém internado morreria. Não há medicação comprovada para COVID e salvar vidas é essencial com o tratamento precoce. Se fosse usar a forma dela tratar quantos mortos não teríamos. Óbvio que se há cientistas renomados que usam é porque há estudos contrários e práticas que comprovam o uso da HIDROXOCLOROQUINA e IVERMECTINA. É preciso salvar o paciente e se for esperar agravar o quadro para usar um corticóide só aí o vírus já está bem disseminado e o paciente morre!!! Há mais medicações nessa fase da internação do que só corticóide mas parece que, embora óbvio, a dra não conhece. Não citou nenhum!!!

  8. Médica embusteira essa “Luana Araujo” (Luana Silva Rodrigues de Araujo, CRM: 823740-RJ), inscrita no CREMERJ e residente de BH, esquisito. Ela não tem qualquer mestrado nacional ou estrangeiro comprovado ou validado no Brasil, ou seja, não fez curso de especialização ou pós-graduação em infectologia. Ela é médica com residência em infectologia, o que a habilita a atuar na área escolhida em âmbito de graduação. Isto, porque ela participou do processo seletivo do Ministério da Saúde, Processo nº 25001.002080/2020-19, EDITAL Nº 14, de 27/08/2020 (DOU), para preenchimento de 4.117 vagas temporárias em caráter excepcional. O critério de avaliação deste edital foi documental, onde um doutorado valia 10 pontos, um mestrado 8 pontos, uma especialização 6 pontos, e a residência médica 3 pontos; o tempo de atuação profissional valia 1 ponto por ano de atividade comprovada na área pretendida; a produção científica valia 0,25 por trabalho científico reconhecido pela CAPES/MEC, limitado a 1 ponto. O resultado deste processo seletivo foi publicado no DOU de 04/11/2020, edição 210, seção 3. Neste edital a nota classificatória dela foi 4,00 pontos, ficando em 8º lugar dentre 19 aprovados na área de infectologia, o 1º lugar ficou para BIANCA ZIMMERMANN, com 20,00 pontos. Como ela não tem currículo na plataforma Lattes/CAPES, logo não teve pontos atribuídos por conta de produção científica. Deste modo, tendo por base o critério de seleção, ela somente pode ter atingido a nota 4,00 por comprovada residência médica na área (3,00 pontos); e por tempo de comprovada atuação profissional na área pretendida obteve 1 ponto (1 ponto por ano de atuação); assim totalizou 4 pontos. Com base naquilo que ela própria comprovou no processo seletivo público, ficou evidente que ela não tem pós-graduação alguma e, tampouco comprovou mais que um ano de experiência profissional na área de infectologia. Por conta deste seletivo, se contratada, ela passaria a ganhar 11 mil reais ao mês por 24 horas semanais de serviços ao Ministério da Saúde. Já quanto à suposta “superdotação” dessa embusteira, até é possível que ela tenha sido precocemente educada e assim logrado obter adiantar-se nos ciclos iniciais da educação básica, mas, o desempenho dela no vestibular ou residência denotam classificações mediante notas medíocres, por exemplo, na prova classificatória da residência médica na USP ela ficou em 65º lugar dentre 86 concorrentes para a área de infectologia [https://devcolab.each.usp.br/do/2007/01/17/52%5D. Neste caso, pela classificação, ela não deve ter conseguido escolher uma vaga vez que divulga que sua residência foi feita na federal do RJ. É preciso investigar à fundo essa embusteira e as pessoas que estão por trás dela, porque o verdadeiro currículo dela está muito aquém do divulgado pela “imprensa”. Quem dirá se ela não foi vetada a ingressar no serviço do MS por conta de incongruências entre o currículo apresentado e o currículo comprovado? Estes são os fatos concretos, devidamente amparados por provas verossímeis constatáveis.

  9. Está piscicopata foi chamada para se envergonhar e parece que os comunas deram uma boa grana para esta louca sem excelência nenhuma!!! Pqp é brincadeira,esta louca na cpi do circo!!!

  10. Todo mundo aqui encantado pela fala dela. Quero ver ela debater com Pierry Corry, ou zimerman, falar para um bando de senadores que mal sabem o que é uma metanálise é fácil, encanta estudante que mal sabe o básico. Só digo uma coisa. Essa é a primeira pandemia que um médico gabaritado vai no senado americano defender um medicamento com patente quebrada, barato. Rapaz, entre Corry e esses médicos aqui sou mais ele. Vcs que acham que ivermectina é remédio do bozo saibam que a ivermectina lá fora está sendo cada vez mais aceita. Parem de debochar desses medicamentos, estudem antes, não abram a boca para falar de algo que vcs não tem base, existe uma guerra imensa, não é vantagem que ivermectina faça efeito se não a pandemia não cumpre seu papel. Se ivermectina não faz efeito, pq Corry defende esse medicamento, assim como outros médicos ? Será que ele também é um lunático. Eu só tenho é que agradecer a ele e o FLCC que desde o começo deram suor para fazer protocolos para salvar vidas, mesmo sem evidência. E notem a ivermectina não fazia parte do protocolo no começo da pandemia somente depois que os estudos saíram é que Corry e colaboradores incluiram a ivermectina no tratamento.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *